quinta-feira, novembro 08, 2007

... if one litlle nigger should accidentally fall...

Regresso de uma viagem de negócios bem sucedida à África sub-Sahariana
Os inglêses têm um número espantoso de cantilenas maldosas, supostamente para crianças - pelo menos para aquelas que não foram criadas na delicodoçura anal das criações Disney. Os Three Blind Mice, por exemplo com os seus rabinhos cortados com uma faca de trinchar.
Nós também temos uma ou outra, suponho. Pelo menos, a história das Doze irmãzinhas, todas vestidas de bronze. Deu o tanglomango nelas, não ficaram senão onze. Dessas onze que elas eram, foram lavar os pés. Deu o tanglomango nelas, não ficaram senão dez... E por aí fora, até não ficar nenhuma. [Não sabem o que é um «tanglomango»? E acham que faz falta? Pronto: significa "malefício", "sortilégio", está bem?]
No entanto, se repararem, este post é sobre as migrações. Assim sendo, escolhi para epígrafe a cantilena Ten litlle nigger boys, mas cruzada com as Ten green botlles que tem uma musiquinha muito linda e muitíssimo cantarolável. O Google é óptimo, nestas coisas. Eu podia pôr aqui o link, mas vão lá, pesquisem vocês e encontrem a toada.
Podem cantá-la como quiserem: perizemples, vá lá, Ten litlle brazillian girls hangging na casa de alterne. If one litlle brazillian girl should accidentally fall, there' ten million litlle brazillian girls hangging on the wall.
Topam? Não preciso dizer mais nada, pois não?
PS: Este post, com o seu desenho irritante e iconoclasta - hoje diz-se "politicamente incorrecto" - deve-se à Ana e à Cláudia da Tertúlia do Pirilampo . Para elas, ainda estou a congeminar um desenho decente, se de tal for capaz.

5 comentários:

peúga disse...

mas as cegas-regas portuguesas tb um dia, espero, sejam assim:

era uma donsela
a quem deu uns tanglomanos

e ódepois

fecharan-se as mazelas
para nascer estaladiças cumpliçomanos

Ana disse...

Tacci...

Uma vez mais muitos parabéns!
Porque de facto este desenho está excelente.
Muito obrigado por ter acedido ao meu pedido.
Tanto podia ser um avião, como um barco, como um camião...
A questão é que todos os dias muitas pessoas tentam chegar a um determinado destino.... e nem todas chegam...
Muitas questões se levantam:
Porque não chegam?
Porque querem chegar?
Devem entrar? Não devem entrar?
Este é um debate de que gosto imenso como sabe...
Só para que saiba agora até vou fazer uma dissertação com o seguinte tema "Remessas de Migrantes: uma via para o desenvolvimento?"
E porquê?
Porque essas pessoas chegam, contribuem para o desenvolvimento do nosso país e ao mesmo tempo enviam dinheiro (remessas) para os seus países de origem.
Será que essas remessas conseguem ajudar ao desenvolvimento desses países?
Eu acho que sim... mas agora tenho q ir confirmar!

Beijos a tod@s...

P.S. Se quiser fazer outro desenho fico muito feliz, mas este está lindo.
Agora só me falta arranjar um tema!

tacci disse...

Ups! Assim seja, Peúga.
Um abraço, com ou sem cebolas.

sinal disse...

agora não encontro melancias...

nãopeúga disse...

afinal ascega-regas criou mais mazelas. Não há melancias, nem cebolas, mas há serpentes