sexta-feira, março 06, 2009

Still looking for Aka II

Aka achou engraçada a instalação feita de pequenas peças de mármore, vidro e metais e deu um piparote numa bolinha que partiu pelo tabuleiro fora fazendo vários plins.
- Desculpa ter-te estragado a teia - disse ela à aranha pequenina que fugia espavorida das peças em movimento.

8 comentários:

Anónimo disse...

Ora finalmente um desenho.Não um boneco. Desculpe se sou mau, mas é sentido.

Graza disse...

O que a inveja faz às pessoas! Ficam sentidamente más.

gamesh disse...

Desenho ou boneco, não entro em polémicas...

Mas é novo, é...
Eu gosto!

tacci disse...

Anónimo
Três coisinhas:
Primeiro, não tem de pedir desculpa. A opinião neste blog é livre desde que bem educada e que não agrida terceiros (podemos abrir excepção para meia dúzia de políticos e afins, claro...).
Segundo, é verdade. Não sou um desenhador (estou agora a tentar um pouco de disciplina nesse campo, mas ainda estou muito no princípio): sou muito mais um sonhador, eventualmente contador, de hitsórias e gosto de as ir apoiando visualmente.
Terceiro: Não acredito que não goste de bonecos. Bem sei que não tem comparação nenhuma, mas não conhece o Gaston Lagaffe, por exemplo, para não falarmos do Marsupilami?
Apareça sempre.

tacci disse...

Grazza, obrigado pelo apoio.
As pessoas têm o direito a ser radicais nos seus gostos. E nós temos o direito de concordar ou não com elas.
Como eu gosto de fazer bonecos, acho que vou continuar a fazê-los.
É assim.
Um abraço.

tacci disse...

Gamesh
A fronteira entre o «desenho» e o «boneco», entre o «boneco» que um reporter fotográfico faz para o seu jornal e uma «foto», são tão ténues que depende mais de quem olha do que de quem os fez.
Gosto muito desse território fronteiriço, que, por exemplo, é a de muitos cadernos de viagem ou dos apontamentos do Hugo Pratt. Mas é claro que raramente ando por lá.
Ainda bem que gostaste.

Graza disse...

Já agora, acrescento que a minha ligação inicial a este blog foi pela via do desenho. Foi esse o primeiro bom impacto e sendo raros os que se atrevem a mostrar aqui na net os seus dotes no risco, Tacci brinca com uma enorme leveza com as mais variadas situações mas com uma grande firmeza no traço e faz dele uma excepção na blogosfera que conheço.

Onde estão os outros?

tacci disse...

Graza, o seu apoio é precioso.
Obrigado.
E depois, sabe? Eu adoro bonecos, desde os soldadinhos de chumbo aos bonecos do Bordallo Pinheiro, passando pelos "bonecos" dos Gatos Fedorentos ou do Herman José.